As unhas também precisam de cuidados especiais durante os dias mais quentes e secos para evitar micoses. 

A preocupação das mulheres com a saúde e aparência das unhas pode ser vista como algo banal para muitos, no entanto, esses cuidados são fundamentais para evitar a proliferação de micoses. 

Da mesma maneira que as pessoas costumam limpar a pele, higienizar os cabelos e hidratá-los, também é necessário realizar a ‘faxina’ dessa região. Alguns hábitos e cuidados na rotina, por exemplo, podem ajudar as unhas, deixando-as mais fortalecidas. 

Mas, como essas micoses que enfraquecem e quebram as unhas surgem? 

Essas condições são provocadas por fungos e é bastante comum que apareçam algumas manchas brancas na superfície da unha ou na parte de baixo. 

Esse pode ser considerado o principal alerta de que algo está errado!

Por isso, é preciso estar atento aos sinais, principalmente durante os dias ensolarados e períodos mais quentes do ano, como é o caso do verão. 

Nesta época, o corpo fica mais exposto e o contato com o sol e o suor causa o calor excessivo. Visto isso, com o uso de sapatos fechados e a falta de higienização das unhas das mãos, qualquer pessoa fica vulnerável a ter problemas. 

Confira as alterações mais comuns que podem indicar doenças ou desordens

Algumas alterações podem ser apenas causadas pelo uso de produtos de limpeza ou pequenos traumas durante a higienização neste período.

Seguindo essa lógica, podemos descobrir que há algo de errado em nossa saúde ou que precisamos ficar mais atentos aos detalhes de cuidados, quando elas ficam:

  • Amareladas
  • Em forma de colher
  • Fracas e quebradiças
  • Com manchas brancas

E o que deve ser feito para se prevenir contra as micoses durante essa estação? 

Veja abaixo!

Cuidados redobrados durante o verão

A principal recomendação dos médicos Dermatologistas para evitar qualquer doença nas unhas é a sua higienização, como por exemplo, mantê-las sempre cortadas, limpas e secas.

Visto isso, assim como existe a preocupação com os cabelos e a pele, durante o verão, os cuidados com essa região também devem ser redobrados. Pois, o alto índice de radiação solar, faz com que elas cresçam mais rápido e com isto, a sua manutenção e limpeza consequentemente deve se tornar mais frequente. 

Como evitar micoses

Assim como já citamos, existem algumas maneiras de se prevenir contra a proliferação das micoses de unha. Os cuidados redobrados, uma atenção maior e a higienização correta podem fazer uma grande diferença para mantê-las saudáveis.

Confira abaixo algumas dicas do que fazer para evitar essas micoses durante esse período:

Evite retirar as cutículas

Elas têm a função de proteger as unhas e, se retiradas, podem deixar o local mais suscetível a bactérias e fungos, principalmente a dos pés. Por isso, o ideal é apenas empurrá-las. 

Atenção com ambientes úmidos

Ambientes molhados exigem uma atenção redobrada. Portanto, os chinelos ou sandálias podem ser ótimos aliados na prevenção dessas micoses de unha. Visto que, os fungos se proliferam com maior facilidade em lugares úmidos e quentes. 

Trocar os sapatos com frequência

Para quem pratica muito exercício durante esse período do ano, é importante não repetir a mesma meia ou tênis por dois dias seguidos. O mais recomendado para diminuir problemas com fungos é trocar esses itens e higienizá-los com algum anti-séptico, deixando-os por um determinado tempo no sol. 

Hidratação

Se engana quem pensa que as unhas não precisam ser hidratadas. Todas as regiões do nosso corpo, quando ressecadas, ficam expostas a proliferação de fungos e bactérias. Portanto, é fundamental ter um hidratante sempre por perto para passar  nessa região. 

Acompanhamento do Dermatologista

Os cuidados com as unhas durante o verão são de extrema importância para evitar as micoses, no entanto, pode ser que por algum descuido elas apareçam e, é nesse momento que se deve procurar um médico Dermatologista. 

Ele é o profissional mais capacitado para identificar o problema e indicar o tratamento mais adequado e correto para cada caso. 

É fundamental lembrar também que não se deve iniciar o uso de medicamentos ou pomadas sem a recomendação médica e sem descobrir o que de fato está acontecendo nessa região. Isto, pode causar efeitos colaterais que podem influenciar na saúde e também na recuperação mais rápida das unhas. 

Portanto, o mais indicado é sempre consultar um profissional para diagnosticar o problema. 

Em conclusão 

Os cuidados com as unhas durante o verão são de extrema importância para evitar as micoses. Nesse período, é essencial estar em contato com o Dermatologista de sua confiança para que, em casos de identificação de problemas, ele faça o diagnóstico e indique o tratamento mais adequado e correto para o seu caso. 

Se você gostou desse conteúdo e deseja saber mais sobre os cuidados com as unhas durante o verão, agende uma consulta com o Dr. Walter Pinheiro e descubra como ele pode te ajudar. 

Deixe um comentário